Pular para o conteúdo principal

São 144 mil vão morar no Céu?


Apocalipse  7: 1 Depois disto vi quatro anjos em pé nos quatro cantos da terra, retendo os quatro ventos da terra, para que nenhum vento soprasse sobre a terra, nem sobre o mar, nem contra árvore alguma.
2 E vi outro anjo subir do lado do sol nascente, tendo o selo do Deus vivo; e clamou com grande voz aos quatro anjos, 
quem fora dado que danificassem a terra e o mar,
3 dizendo: Não danifiques a terra, nem o mar, nem as árvores, até que selemos na sua fronte os servos do nosso Deus.
4 E ouvi o número dos que foram assinalados com o selo, cento e quarenta e quatro mil de todas as tribos dos filhos de Israel:
5 da tribo de Judá havia doze mil assinalados; da tribo de Rúben, doze mil; da tribo de Gade, doze mil;
6 da tribo de Aser, doze mil; da tribo de Naftali, doze mil; 
da tribo de Manassés, doze mil;
7 da tribo de Simeão, doze mil; da tribo de Levi, doze mil; 
da tribo de Issacar, doze mil;
8 da tribo de Zabulom, doze mil; da tribo de José, doze mil; da tribo de Benjamim, doze mil assinalados.
9 Depois destas coisas olhei, e eis uma grande multidão, que ninguém podia contar, de todas as nações, tribos, povos e línguas, que estavam em pé diante do trono e em presença do Cordeiro, trajando compridas vestes brancas, e com palmas nas mãos;10 e clamavam com grande voz: Salvação ao nosso Deus, 
que está assentado sobre o trono, e ao Cordeiro.
11 E todos os anjos estavam em pé ao redor do trono e dos anciãos e dos quatro seres viventes, e prostraram-se diante do trono sobre seus rostos, 
e adoraram a Deus,
12 dizendo: Amém. Louvor, e glória, e sabedoria, e ações de graças, e honra, e poder, e força ao nosso Deus, 
pelos séculos dos séculos. Amém.
13 E um dos anciãos me perguntou: Estes que trajam as compridas vestes brancas, quem são eles e donde vieram?
14 Respondi-lhe: Meu Senhor, tu sabes. Disse-me ele: 
Estes são os que vêm da grande tribulação, 
 levaram as suas vestes e as branquearam no sangue do Cordeiro.
15 Por isso estão diante do trono de Deus, 
e o servem de dia e de noite no seu santuário; e aquele que está assentado sobre o trono estenderá o seu tabernáculo sobre eles.
16 Nunca mais terão fome, nunca mais terão sede;
 nem cairá sobre eles o sol, nem calor algum;
17 porque o Cordeiro que está no meio, diante do trono, os apascentará e os conduzirá às fontes das águas da vida; 
e Deus lhes enxugará dos olhos toda lágrima.



Charles Taze Russell sharp.jpg
Charles T. Russell
A Seita Testemunha de Jeová baseada em ensinos Heréticos de Charles Taze Russell, prega que somente vão para o Céu 144 mil pessoas. Eles usam a própria Bíblia para apoiar seu dogmas.
Todavia quando lemos a Bíblia logo entendemos que os 144 mil são pessoas das 12 Tribos de Israel, sendo que de cada tribo foram escolhidas 12 mil, totalizando 144 mil.
No entanto ao ler o texto com atenção encontramos no Céu uma multidão incontável, que ninguém podia contar de tantos, este povo é soma de várias tribos, nações, línguas... Este povo não é exclusivo de uma só religião, ou seita ou qualquer segmento desse tipo, mas um povo que lavou suas vestes no sangue do cordeio Imaculado Cristo Jesus, Meu Senhor, tu sabes. Disse-me ele: 

Ap. 7: 14 Estes são os que vêm da grande tribulação, 
 levaram as suas vestes e as branquearam no sangue do Cordeiro.

                                Vale salientar que a tribo de Dã está ausente na lista sendo substituída pelo Tribo de Manassés. (compare Ap. 7:5-8 com a Lista do livro de Números 1).

                                     Essa multidão estavam com palmas nas mãos como sinal de Boas vindas, desejo de vinda longa e prosperidade para o Rei, cena parecida com a Entrada Triunfal de Cristo em Jerusalém (Mt. 21:8) 

A Posição dos Anjos, dos Anciãos 

Ap. 7:11 E todos os anjos estavam em pé ao redor do trono e dos anciãos e dos quatro seres viventes, e prostraram-se diante do trono sobre seus rostos, 
e adoraram a Deus,

a) Anjos - Todos os anjos estavam de Pé com sinal de reverencia em volta do trono, dos 24 Anciões e dos 04 Seres Viventes. 
b) Eles mudavam de Posição se prostrando com o rosto em direção ao trono, como sinal de adoração, reverencia, prestação de honra e adoração a Deus. 


Quem são os 144? 

Os  144 recebendo o Novo Cântico

Apocalipse  14 :
1 E olhei, e eis o Cordeiro em pé sobre o Monte Sião, e com ele cento e quarenta e quatro mil, que traziam na fronte escrito o nome dele e o nome de seu Pai.
2 E ouvi uma voz do céu, como a voz de muitas águas, e como a voz de um grande trovão e a voz que ouvi era como de harpistas, que tocavam as suas harpas.3 E cantavam um cântico novo diante do trono, e diante dos quatro seres viventes e dos anciãos; e ninguém podia aprender aquele cântico, senão os cento e quarenta e quatro mil, aqueles que foram comprados da terra.

4 Estes são os que não se contaminaram com mulheres; porque são virgens. Estes são os que seguem o Cordeiro para onde quer que vá. Estes foram comprados dentre os homens para serem as primícias para Deus e para o Cordeiro.

São descendentes das tribos 12 tribos de Israel (Ap. 7:5-8), e estão com uma missão extremamente especial aprender um NOVO CANTICO DIANTE  DO TRONO DE DEUS. (Ap. 14:3) 

Eles não foram comprados da Igreja Católica, nem escolhido entre os ungidos da Testemunhas de Jeová, nem membros da Congregação Cristã do Brasil ou Assembléia de Deus, e muito menos fazem parte das Castas do Hinduísmo, nem da elite da IURD, IM Poder de Deus, Igreja da Graça, e muito menos ainda um fanático do Islamismo.  


A Grande Multidão 


                              A Grande Multidão veio da grande tribulação, eles não viviam numa vida confortável de regalias, eram pecadores como qualquer um de nós, mas lavavam suas vestes no sangue de Cristo Jesus, (Mt. 24:31) eles passaram fome, sede, enfrentarão o sol quente e causticante porque moravam em regiões desérticas e não de fartura (no sentido fico e/ou espiritual), enfrentavam o forte calor e ainda por ima eram atribulados, todavia diante de todas estas dificuldades continuaram íntegros servindo a Deus.  Eles choravam diante da prova da dor da angustia, mas não blasfemavam o nome do Santo dos Santos e por isso Deus enxugará de seus olhos toda Lágrima.  



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Por que Jesus Cuspiu antes de curar o Cego?

Mensagem com base em João 9: 1-23


I – Qual causa da Cegueira do Homem?
 Este nascera cego curiosamente para Glória de Deus, os discípulos procuravam uma causa para a cegueira e perguntaram: “Rabi, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego?”. Fizeram a pergunta possivelmente com base em Êxodo:
Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.Êxodo 20:4-5
1)Cegueira como maldição hereditária, por parte dos pais; 2)Cegueira Por causa dos próprios pecados. 3)Cegueira para que se Manifeste as Obras de Deus
Jesus descartou as duas primeiras possibilidades, com seguinte resposta:
Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus.
João 9:2-3

              O Homem era cego para que em hora oportuna se manifestasse nele a Obra de Deus.

II – Jesus contrariando os Homens                                    …

Hagar e Ismael no Deserto- Deus Ouve

(Texto Gn. 21; 14-21)                              Abraão levanta pela madrugada, toma pão e um odre de água, dá para Hagar colocando as coisas no ombro dela, pega o menino de aproximadamente 17 anos entrega-o para Hagar e despede a ambos, e despede. Hagar sai uma direção definida no deserto de Berseba, e sai errante. (Gn. 21; 14)
                         Uma dor e uma confiança tremenda dentro de Abraão. Ele sabia que nem Hagar e nem Ismael iriam morrer no deserto, porque Deus havia lhe garantido que faria de Ismael uma grande nação, e para isso Deus supriria todas as necessidades.                          Por outro lado Sara sua esposa estava muito incomodada, com o desprezo de Ismael em relação à Isaque, estava surgindo um clima muito comprometedor entre Ismael e Isaque, o que poderia cedo ou tarde gerar graves conseqüências. O próprio Deus aceitou a proposta de Sara, porque Deus havia traçado um Propósito na vida de Ismael à parte da casa de Abraão. Mais tarde tudo indica que casa de…

Zacarias, pai de João Batista- Parte 1 (Personagens Bíblicos)

Dados Gerais sobre Zacarias, pai de João Batista  

A postagem visa facilitar estudos sobre a pessoa exemplar de Zacarias, pai de João Batista, deixando claro, logo no principio que admite -se cópias desta postagem desde se cumpra as normas dos Direitos Autorais.

Zacarias (do hebraico זְכַרְיָה, Zekariyah, "Deus se lembrou")