Pular para o conteúdo principal

Três Tipos de Morte na Bíblia e na Ciência


Três Tipos de Morte

  

                        A causa da morte e forma pode ser uma imensa variedade, mas o ‘Tipo’ de Morte propriamente dita são apenas Dois tipos de Morte, segue-se:

Ø     A Primeira Morte
Ø     A Segunda Morte

Não existe uma terceira, quarta, quinta, sexta, sétima morte... Pois está ordenado ao Homem a morrer uma só vez, e depois disso o Juízo.
(Hb. 9: 26,27) 

A Morte em si é um espírito criado por Deus, usado como instrumento de juízo.   

                              I.           A Primeira Morte

A Primeira Morte é dividida em duas Partes:
- Morte Material
- Morte Espiritual

a)    Morte Material (física)

Cientificamente:

É conhecida de todos e Pode ser definida, assim: Ocorre Quando se encerra toda e qualquer atividade de vida no corpo; total falência dos órgãos vitais de vida como o coração e o cérebro. É o cessar do fôlego de vida definitivamente.

Biblicamente:

Ec. 12:7 E o pó volte para a terra como o era,
e o espírito volte a Deus que o deu.

Todo ser humano veio do pó da terra, como Adão e Eva, o mesmo processo que trouxe a vida do pó da terra. É o mesmo processo que conduz novamente a matéria ao seio da terra, só que de forma inversa.

  A Morte Física (material) por enquanto é inevitável, somente será evitável quando Cristo arrebatar um povo especial, zeloso e de boas obras. Não se trata de um grupo de religiosos e sim um grupo inter-denominacional de pessoas que têm compromisso com Deus e seus Ensinamentos.  (Base tal declaração 1ª Ts. 4: 13-18)

b)    A Morte Espiritual
 
Cientificamente:

Sobre a Morte Espiritual Não há consenso entre os cientistas da área da psicanálise em geral, o Único consenso que há é que as pessoas sofrem emocionalmente. Esse Sofrimento Interior pode contribuir muitíssimo para a morte do individuo.  Por outro lado o Bem-Estar interior como a paz e a felicidade podem gerar vida. A Causa do sofrimento pode ser uma consciência de culpa, um trauma, algo desagradável e conflitante que tenha acontecido e/ou esteja acontecendo que cause desconforto e infortúnio interior e descontrole.  Um clássico exemplo disso e a depressão e os vícios danosos que podem levar a loucura e ao suicídio dependendo do grau.

Biblicamente:
Rm 6: 23 Porque o salário do pecado é a morte,
mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus nosso Senhor.

Quando a pessoa desvia-se completamente das virtudes, dos bons hábitos e costumes estabelecidos por Deus; colhe morte. A morte espiritual é fruto da pratica constante de pecado sem demonstração de arrependimento e nem remorso, é o ato de desprezar a Palavra de Deus se negando a ouvi-la e praticá-la, em resumo é um distanciamento de Deus e uma aproximação do Erro (Pecado). Abreviando-se: “É o Ato de rebelar-se contra Deus, Desobedecer as Leis de Deus”

Os mortos espirituais andam como zumbis dão testemunho que estão vivos, mas na verdade estão mortos para a verdade e o verdadeiro prazer da Vida. Andam entregues aos próprios deleites e prazeres. Vive uma vida sem regras, dominada por vícios danosos e pratica de imoralidade, levam uma vida sem Deus e vazia do Bem.  
Romanos  6

1 Que diremos, pois? Permaneceremos no pecado, para que abunde a graça?
2 De modo nenhum. Nós, que já morremos para o pecado,
 como viveremos ainda nele?
3 Ou, porventura, ignorais que todos quantos fomos batizados em Cristo Jesus fomos batizados na sua morte?
4 Fomos, pois, sepultados com ele pelo batismo na morte, para que, como Cristo foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai, assim andemos nós também em novidade de vida.
5 Porque, se temos sido unidos a ele na semelhança da sua morte, certamente também o seremos na semelhança da sua ressurreição;
6 sabendo isto, que o nosso homem velho foi crucificado com ele, para que o corpo do pecado fosse desfeito, a fim de não servirmos mais ao pecado.

A Morte Espiritual pode ser evitada através do servir a Deus e praticar o Bem. O Batismo nas águas simboliza a morte espiritual do velho homem de natureza e o nascimento do novo homem que viverá em novidade de vida e servindo a Cristo.
João 11: 25 Declarou-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que morra, viverá;
26 e todo aquele que vive, e crê em mim, jamais morrerá. Crês isto?


II – A Segunda Morte

Cientificamente:
Tudo é finito até o universo assim também o ser humano e todas as coisas que existem. Pelo menos este o conceito da maioria dos cientistas.

Biblicamente:
Ap. 20: 10 E o Diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde estão a besta e o falso profeta; e de dia e de noite serão atormentados pelos séculos dos séculos...

12 E vi os mortos, grandes e pequenos, em pé diante do trono; e abriram-se uns livros; e abriu-se outro livro, que é o da vida; e os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras.
13 O mar entregou os mortos que nele havia; e a morte e o hades entregaram os mortos que neles havia; e foram julgados,
cada um segundo as suas obras.
14 E a morte e o hades foram lançados no lago de fogo. Esta é a Segunda Morte, o lago de fogo.
15 E todo aquele que não foi achado inscrito no livro da vida,

 foi lançado no lago de fogo.

 
O Único ser Infinito é Deus, sua criação é finita e depende totalmente da vontade dele para continuar existindo. A vontade e promessa é a Vida Eterna para os Justos e a Morte Eterna para os Ímpios. 

Explanação:

A Segunda Morte é a Morte Eterna, significa separação total de Deus, a exclusão definitiva do pecador da presença de Deus, o fim do corpo, da alma e do espírito do Ímpio. É simplesmente quando ele deixa de existir em todos os sentidos, até mesmo na memória dos vivos.

Vale lembrar que o Deus de Amor não tem prazer na morte do Ímpios, mas o senso de Justiça prevalece.   

 Ez. 18:32 Porque não tenho prazer na morte de ninguém, diz o Senhor Deus; convertei-vos, pois, e vivei...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Por que Jesus Cuspiu antes de curar o Cego?

Mensagem com base em João 9: 1-23


I – Qual causa da Cegueira do Homem?
 Este nascera cego curiosamente para Glória de Deus, os discípulos procuravam uma causa para a cegueira e perguntaram: “Rabi, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego?”. Fizeram a pergunta possivelmente com base em Êxodo:
Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.Êxodo 20:4-5
1)Cegueira como maldição hereditária, por parte dos pais; 2)Cegueira Por causa dos próprios pecados. 3)Cegueira para que se Manifeste as Obras de Deus
Jesus descartou as duas primeiras possibilidades, com seguinte resposta:
Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus.
João 9:2-3

              O Homem era cego para que em hora oportuna se manifestasse nele a Obra de Deus.

II – Jesus contrariando os Homens                                    …

Hagar e Ismael no Deserto- Deus Ouve

(Texto Gn. 21; 14-21)                              Abraão levanta pela madrugada, toma pão e um odre de água, dá para Hagar colocando as coisas no ombro dela, pega o menino de aproximadamente 17 anos entrega-o para Hagar e despede a ambos, e despede. Hagar sai uma direção definida no deserto de Berseba, e sai errante. (Gn. 21; 14)
                         Uma dor e uma confiança tremenda dentro de Abraão. Ele sabia que nem Hagar e nem Ismael iriam morrer no deserto, porque Deus havia lhe garantido que faria de Ismael uma grande nação, e para isso Deus supriria todas as necessidades.                          Por outro lado Sara sua esposa estava muito incomodada, com o desprezo de Ismael em relação à Isaque, estava surgindo um clima muito comprometedor entre Ismael e Isaque, o que poderia cedo ou tarde gerar graves conseqüências. O próprio Deus aceitou a proposta de Sara, porque Deus havia traçado um Propósito na vida de Ismael à parte da casa de Abraão. Mais tarde tudo indica que casa de…

Zacarias, pai de João Batista- Parte 1 (Personagens Bíblicos)

Dados Gerais sobre Zacarias, pai de João Batista  

A postagem visa facilitar estudos sobre a pessoa exemplar de Zacarias, pai de João Batista, deixando claro, logo no principio que admite -se cópias desta postagem desde se cumpra as normas dos Direitos Autorais.

Zacarias (do hebraico זְכַרְיָה, Zekariyah, "Deus se lembrou")