Pular para o conteúdo principal

O Uso de Jóias segundo Paulo e a Bíblia




 

Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em traje honesto, com pudor e modéstia, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos preciosos,
Mas (como convém a mulheres que fazem profissão de servir a Deus) com boas obras. 1 Timóteo 2:8-10

                           Paulo incentiva as mulheres cristãs a usar trajes honestos, com pudor e modéstia.
                           Não é elegante a mulher de Deus usar vestidos caros, roupas indecentes, abuso de uso de jóias de ouro e perolas.
                           O texto sagrado não está ensinando que é pecado a mulher de Deus usar jóias de prata, ouro, perolas vestidos preciosos, ou usar tranças.
                            O texto Sagrado está dando prioridade aos trajes honestos, com pudor e modéstia, ou seja, vestes simples e decentes. No lugar dos trajes preciosos, das tranças das perolas e ouro.
                           Paulo enfatiza que as Boas Obras na profissão de servir a Deus (alguns acham que servir a Deus não é profissão, é apenas uma obrigação) as Obras de Caridade são mais bem apresentadas, melhor aceitas do que os vestidos caríssimos, ouro, pérolas, e as tranças belíssimas usadas pelas mulheres cristãs.
                           A mulher de Deus apresentada com um vestido simples, com pudor e modéstia, sem pérolas, sem ouro, sem vestes dispendiosas, é recomendável. Igreja não é lugar de desfile de moda.
                           O Uso abusivo de vestidos caríssimos, os excessos do uso de pérolas e ouro, e as extravagâncias de tranças, não convêm às santas mulheres de Deus.  Os Usos dos tais só trazem discórdias, maus conversações e polemicas entre os menos avisados e incautos...

Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm; todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas edificam. 
1 Coríntios 10:22-23

                           Não é um pecado, a tal ponto de excluir a irmã da salvação, mas a moderação nas vestes, nas jóias, nas tranças tem um valor fundamental nas santas mulheres cristãs.

                           Oriento as mulheres cristãs como Paulo e Pedro a dispensar o uso excessivo/abusivo de jóias, mas se usar use de modo modesto moderadamente. Pois não é pecado, se pecado fosse Abraão não daria a sua futura nora, antes da lei de Moisés. (Alguns pastores incautos dizem que o uso de jóias é da lei, quando a lei nem proíbe e nem permite o uso de jóias) Abraão nosso Pai na fé, não pecou em doar para futura nora, Rebeca esposa de Isaque; jóias, em lugar algum a bíblia condena Abraão por isso.
                           Pedro quando citou Sara não condenou a mesma por causa do adorno, mas exaltou a mesma porque se adornava com “Submissão a seu marido”, além do uso moderado de adornos.


Porque assim se adornavam também antigamente as santas mulheres que esperavam em Deus, e estavam sujeitas aos seus próprios maridos;

Como Sara obedecia a Abraão, chamando-lhe senhor; da qual vós sois filhas, fazendo o bem, e não temendo nenhum espanto. 
1 Pedro 3:4-6

                           Afirmo que possuir jóias não é pecado é uso como base as seguinte passagens.

E aconteceu que, acabando os camelos de beber, tomou o homem um pendente de ouro de meio siclo de peso, e duas pulseiras para as suas mãos, do peso de dez siclos de ouro;Gênesis 24:22
Então lhe perguntei, e disse: De quem és filha? E ela disse: Filha de Betuel, filho de Naor, que lhe deu Milca. Então eu pus o pendente no seu rosto, e as pulseiras sobre as suas mãos;Gênesis 24:47
E aconteceu que, quando ele viu o pendente, e as pulseiras sobre as mãos de sua irmã, e quando ouviu as palavras de sua irmã Rebeca, que dizia: Assim me falou aquele homem; foi ter com o homem, que estava em pé junto aos camelos, à fonte,Gênesis 24:30

E o SENHOR disse a Moisés: Ainda uma praga trarei sobre Faraó, e sobre o Egito; depois vos deixará ir daqui; e, quando vos deixar ir totalmente, a toda a pressa vos lançará daqui.
Fala agora aos ouvidos do povo, que cada homem peça ao seu vizinho, e cada mulher à sua vizinha, jóias de prata e jóias de ouro. Êxodo 11:1-2

                           E o mesmo Deus daquele tempo é o mesmo Deus de hoje, ele não muda, é o mesmo eternamente. Deus nunca aprovou os excessos, mas a moderação sempre aprovou.
                           O Senhor Jesus, nosso grande mestre nada falou do uso de jóias, nem aprovando e nem proibindo. Se o uso de jóias interferisse na salvação com toda certeza Jesus diria alguma coisa.
                           Todavia existem pessoas que se dizem cristãs envenenadas por ventos de doutrinas humanas e diabólicas, com uma teologia barata e maquiavélica, dizendo que não gostam de teologia, mas faz uso de uma teologia sem graça de Deus. Estes não admitem que as mulheres se adornem de modo algum nem física e nem espiritualmente.   
                           E por causa destes, para que não haja escândalo nas igrejas, aconselho as irmãs, a dispensarem o uso desses enfeites se seus pastores e/ou maridos reprovarem.

Bom é não comer carne, nem beber vinho, nem fazer outras coisas em que teu irmão tropece, ou se escandalize, ou se enfraqueça.
Tens tu fé? Tem-na em ti mesmo diante de Deus. Bem-aventurado aquele que não se condena a si mesmo naquilo que aprova. 
Romanos 14:20-22

Paulo e Pedro nestes versículos em questão, (1ª Tm. 2:9,10/ 1ª Pe. 3:1-3) em suas cartas tem a intenção de Ensinar as Mulheres Cristãs a se adornar  mais Interiormente, do que exteriormente.

O enfeite delas não seja o exterior, no frisado dos cabelos, no uso de jóias de ouro, na compostura dos vestidos; 
1 Pedro 3:3

                           Nem Pedro, nem Paulo, Nem Jesus, o Cristo, nem profetas, nem os apóstolos... Nenhum estabeleceu que tipo de roupa e de jóias as mulheres cristãs deveriam usar. Mas todos concordam que as mulheres devem se vestir com modéstia e pudor, de forma decente e não vulgar. Porém, no seu interior devem se adornar com Boas Obras as quais excedem o valor de muitos rubis, ouro, perolas...

Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em traje honesto, com pudor e modéstia, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos preciosos,
Mas (como convém a mulheres que fazem profissão de servir a Deus) com boas obras. 1 Timóteo 2:8-10

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Por que Jesus Cuspiu antes de curar o Cego?

Mensagem com base em João 9: 1-23


I – Qual causa da Cegueira do Homem?
 Este nascera cego curiosamente para Glória de Deus, os discípulos procuravam uma causa para a cegueira e perguntaram: “Rabi, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego?”. Fizeram a pergunta possivelmente com base em Êxodo:
Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.Êxodo 20:4-5
1)Cegueira como maldição hereditária, por parte dos pais; 2)Cegueira Por causa dos próprios pecados. 3)Cegueira para que se Manifeste as Obras de Deus
Jesus descartou as duas primeiras possibilidades, com seguinte resposta:
Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus.
João 9:2-3
              O Homem era cego para que em hora oportuna se manifestasse nele a Obra de Deus.

II – Jesus contrariando os Homens                                    …

Hagar e Ismael no Deserto- Deus Ouve

(Texto Gn. 21; 14-21)                              Abraão levanta pela madrugada, toma pão e um odre de água, dá para Hagar colocando as coisas no ombro dela, pega o menino de aproximadamente 17 anos entrega-o para Hagar e despede a ambos, e despede. Hagar sai uma direção definida no deserto de Berseba, e sai errante. (Gn. 21; 14)
                         Uma dor e uma confiança tremenda dentro de Abraão. Ele sabia que nem Hagar e nem Ismael iriam morrer no deserto, porque Deus havia lhe garantido que faria de Ismael uma grande nação, e para isso Deus supriria todas as necessidades.                          Por outro lado Sara sua esposa estava muito incomodada, com o desprezo de Ismael em relação à Isaque, estava surgindo um clima muito comprometedor entre Ismael e Isaque, o que poderia cedo ou tarde gerar graves conseqüências. O próprio Deus aceitou a proposta de Sara, porque Deus havia traçado um Propósito na vida de Ismael à parte da casa de Abraão. Mais tarde tudo indica que casa de…

Zacarias, pai de João Batista- Parte 1 (Personagens Bíblicos)

Dados Gerais sobre Zacarias, pai de João Batista  

A postagem visa facilitar estudos sobre a pessoa exemplar de Zacarias, pai de João Batista, deixando claro, logo no principio que admite -se cópias desta postagem desde se cumpra as normas dos Direitos Autorais.

Zacarias (do hebraico זְכַרְיָה, Zekariyah, "Deus se lembrou")