Pular para o conteúdo principal

A Infância e Adolescência de Jesus Cristo- Parte 1

A Infância de Jesus nos Evangelhos Canônicos e Evangelhos Apócrifos 
(Parte -1)

Introdução:
                                   Há teorias até registros improváveis, duvidosos, e até espúrios de registros de milagres de Jesus durante a fase de sua infância. Existem muitas especulações acerca da infância de Jesus, sabe-se que o nome de Jesus é usado por muitos para fins comerciais e, causar polêmicas acerca de Jesus é uma estratégia indecente, mas, que tem dado certo. Cito como exemplo Dan Brown autor do livro “O Código da Vinci” que recebeu milhões apresentando a hipótese de um suposto envolvimento de Cristo com Maria Madalena.  
                                   Diante, do exposto, é necessário para toda pessoa que ler a Bíblia e têm curiosidades acerca da pessoa de Cristo analisar com cuidado e sobriedade tudo aquilo que escrevem sobre o Salvador do Mundo, Cristo Jesus, é exatamente isso que estou fazendo aqui.

Nos Evangelhos Canônicos

                                   Os Evangelistas Mateus, Marcos, Lucas e João não registram nenhum milagre de Jesus durante sua Infância e Adolescência.  Eles são unanimes na afirmação de que os milagres de Jesus ocorreram após seu batismo nas águas do Jordão por João Batista.


Mateus
                                   Começa seu Evangelho com o objetivo de chamar atenção dos judeus atentos as Escrituras Sagradas (Tanakh) para os sinais do Messias Prometido. Mateus recita o Velho Testamento dezenas de vezes cerca de 80 vezes para que qualquer leitor curioso possa comparar o Senhor Jesus com o Messias ungido que havia de vir. Ele começa com a Genealogia de Cristo até o pai da nação israelita, Abraão. Depois de Relata o nascimento Virginal de Jesus relacionando com os textos do Tanakh (Velho Testamento).

Tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que foi dito da parte do Senhor, pelo profeta, que diz;
Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, E chamá-lo-ão pelo nome de EMANUEL, Que traduzido é: Deus conosco. Mateus 1:21-23

                                   O Evangelista Mateus cita o local do nascimento de Cristo apontando o cumprimento de uma profecia predita nas Escrituras e, registra a visita dos Magos que vieram do Oriente para trazer presentes ao menino Jesus, quando ele deveria contar com aproximadamente 02 anos de idade. Trata do Massacre de crianças inocentes com a idade de 02 anos abaixo; da fuga para o Egito; e o retorno, mais precisamente para a Cidade de Nazaré, indicando profecias messiânicas:

E, levantando-se ele, tomou o menino e sua mãe, de noite, e foi para o Egito.E esteve lá, até à morte de Herodes, para que se cumprisse o que foi dito da parte do Senhor pelo profeta, que diz: Do Egito chamei o meu Filho. Mateus 2: 13-15
Então se cumpriu o que foi dito pelo profeta Jeremias, que diz: Em Ramá se ouviu uma voz, Lamentação, choro e grande pranto: Raquel chorando os seus filhos, E não quer ser consolada, porque já não existem.
Mateus 2: 16-18
E, ouvindo que Arquelau reinava na Judéia em lugar de Herodes, seu pai, receou ir para lá; mas avisado num sonho, por divina revelação, foi para as partes da Galiléia.
E chegou, e habitou numa cidade chamada Nazaré, para que se cumprisse o que fora dito pelos profetas: Ele será chamado Nazareno. Mateus 2: 21-23

                                   Mateus como um profundo conhecedor das Escrituras Sagradas cita com cautela e exatidão os textos sagrados messiânicos. Este Evangelista com toda a convicção registraria milagres de Cristo na Infância e Juventude se alguma profecia messiânica apontasse tal coisa.


Marcos

                                   Também conhecido como João Marcos companheiro dos apóstolos Paulo e Pedro, foi testemunha ocular de alguns eventos do Ministério de Jesus, filho judeu com gentílica chamada Maria.  

E, considerando ele nisto, foi à casa de Maria, mãe de João, que tinha por sobrenome Marcos, onde muitos estavam reunidos e oravam.
Atos 12:12

                                   Escritor caracterizado por expressar muitas coisas em poucas palavras, seu Evangelho é conciso e preciso destinado aos Romanos em especial. Nada fala sobre o nascimento de Cristo de modo claro, mas, refere-se aos milagres de Cristo a partir do momento que Jesus foi batizado por João batista. Não registra nenhum milagre de Jesus antes desse fato.  Se outrora, Cristo houvesse efetuado algum Milagre antes de seu batismo, o Evangelista Marcos de modo breve e sucinto teria citado.  


Lucas
                                   O Evangelista São Lucas é extremamente criterioso e detalhista em seus escritos, atento, suas obras são frutos de uma acurada pesquisa sobre a Vida e o Ministério de Cristo.
Tendo, pois, muitos empreendido pôr em ordem a narração dos fatos que entre nós se cumpriram,
Segundo nos transmitiram os mesmos que os presenciaram desde o princípio, e foram ministros da palavra,
Pareceu-me também a mim conveniente descrevê-los a ti, ó excelente Teófilo, por sua ordem, havendo-me já informado minuciosamente de tudo desde o princípio;
Para que conheças a certeza das coisas de que já estás informado.
 Lucas 1:1-4
                                   De certo se Cristo em algum momento da Infância ou Adolescência houvesse realizado algum milagre, com toda margem de certe lhes afirmo que o evangelista Lucas depois de minuciosa pesquisa teria relatado no Evangelho.
                                   O Profundo escritor Lucas, também conhecido com o oficio de médico.
Saúda-vos Lucas, o médico amado, e Demas. Colossenses 4:14

                        Começa a narrar a história de Cristo entrelaçada com a História de Nascimento de João Batista, revelando detalhes exclusivos que nenhum outro evangelista ou escritor informa (leia Capítulo 1 e 2 de Lucas). É impressionante a minucia da pesquisa de Lucas, ele aborda com exatidão nome, lugares, situações, fatos e nomes de autoridades que governavam em determinado período veja abaixo:

E aconteceu naqueles dias que saiu um decreto da parte de César Augusto, para que todo o mundo se alistasse
(Este primeiro alistamento foi feito sendo Quirino presidente da Síria).
E todos iam alistar-se, cada um à sua própria cidade.
E subiu também José da Galiléia, da cidade de Nazaré, à Judéia, à cidade de Davi, chamada Belém (porque era da casa e família de Davi),
A fim de alistar-se com Maria, sua esposa, que estava grávida.
E aconteceu que, estando eles ali, se cumpriram os dias em que ela havia de dar à luz.Lucas 2:1-6

*É através dos escritos de Lucas que alguns deduzem o ano do nascimento de Cristo.

                                   A Única pista que o Evangelista Lucas nos dá sobre a Infância e adolescência de Cristo é a seguinte:

E o menino crescia, e se fortalecia em espírito, cheio de sabedoria; e a graça de Deus estava sobre ele.
Ora, todos os anos iam seus pais a Jerusalém à festa da páscoa;
E, tendo ele já doze anos, subiram a Jerusalém, segundo o costume do dia da festa.
E, regressando eles, terminados aqueles dias, ficou o menino Jesus em Jerusalém, e não o soube José, nem sua mãe.
Pensando, porém, eles que viria de companhia pelo caminho, andaram caminho de um dia, e procuravam-no entre os parentes e conhecidos;
E, como o não encontrassem, voltaram a Jerusalém em busca dele.
E aconteceu que, passados três dias, o acharam no templo, assentado no meio dos doutores, ouvindo-os, e interrogando-os.
E todos os que o ouviam admiravam a sua inteligência e respostas.
E quando o viram, maravilharam-se, e disse-lhe sua mãe: Filho, por que fizeste assim para conosco? Eis que teu pai e eu ansiosos te procurávamos.
E ele lhes disse: Por que é que me procuráveis? Não sabeis que me convém tratar dos negócios de meu Pai?
E eles não compreenderam as palavras que lhes dizia.
E desceu com eles, e foi para Nazaré, e era-lhes sujeito. E sua mãe guardava no seu coração todas estas coisas.
E crescia Jesus em sabedoria, e em estatura, e em graça para com Deus e os homens. Lucas 2:39-52

                                   Ora, segundo Lucas, o menino Jesus crescia em sabedoria e estatura como qualquer ser humano crescendo na Graça de Deus e dos Homens, ao contrário da tumultuada infância de Jesus contada supostamente por Tomé (Evangelho Apócrifo).




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Por que Jesus Cuspiu antes de curar o Cego?

Mensagem com base em João 9: 1-23


I – Qual causa da Cegueira do Homem?
 Este nascera cego curiosamente para Glória de Deus, os discípulos procuravam uma causa para a cegueira e perguntaram: “Rabi, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego?”. Fizeram a pergunta possivelmente com base em Êxodo:
Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.Êxodo 20:4-5
1)Cegueira como maldição hereditária, por parte dos pais; 2)Cegueira Por causa dos próprios pecados. 3)Cegueira para que se Manifeste as Obras de Deus
Jesus descartou as duas primeiras possibilidades, com seguinte resposta:
Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus.
João 9:2-3

              O Homem era cego para que em hora oportuna se manifestasse nele a Obra de Deus.

II – Jesus contrariando os Homens                                    …

Hagar e Ismael no Deserto- Deus Ouve

(Texto Gn. 21; 14-21)                              Abraão levanta pela madrugada, toma pão e um odre de água, dá para Hagar colocando as coisas no ombro dela, pega o menino de aproximadamente 17 anos entrega-o para Hagar e despede a ambos, e despede. Hagar sai uma direção definida no deserto de Berseba, e sai errante. (Gn. 21; 14)
                         Uma dor e uma confiança tremenda dentro de Abraão. Ele sabia que nem Hagar e nem Ismael iriam morrer no deserto, porque Deus havia lhe garantido que faria de Ismael uma grande nação, e para isso Deus supriria todas as necessidades.                          Por outro lado Sara sua esposa estava muito incomodada, com o desprezo de Ismael em relação à Isaque, estava surgindo um clima muito comprometedor entre Ismael e Isaque, o que poderia cedo ou tarde gerar graves conseqüências. O próprio Deus aceitou a proposta de Sara, porque Deus havia traçado um Propósito na vida de Ismael à parte da casa de Abraão. Mais tarde tudo indica que casa de…

Cabelo da Mulher Cristã- Nove (09) Lições Bíblicas

Referencias: 1ª Co. 11:4-15/ 1ª Tm. 2: 9,10/ 1ª Pe. 3: 1-3

                           Três passagens bíblicas utilizadas por “teólogos” radicais, com estilo farisaico, para proibir as tranças, cortes e frisados nos cabelos, além do uso de jóias.  Mas em destaque nesta postagem, é o cabelo da Mulher Cristão. Temos postagens que tratam do uso de jóias nos seguintes sites:
Deus condena o uso de Jóias?  
http://prjefersonfabiano.blogspot.com.br/2011/10/deus-condena-o-uso-de-joias.html
O Uso de Jóias segundo Paulo e a Bíblia
http://prjefersonfabiano.blogspot.com.br/2013/01/o-uso-de-joias-segundo-paulo-e-biblia.html
Nove Lições sobre o Cabelo da Mulher Cristã segundo a Bíblia:
1.Cabelo longo da mulher cristã lhe é Honroso 2.Cabelo tosquiado/rapado na mulher cristã é Desonroso 3.Cabelo longo da mulher é sinal de poderio sobre os anjos 4.Cabelo longo em lugar do véu 5.Um traje modesto com pudor é mais importante que uma trança atraente 6.O Enfeite interior da mulher cristã vale mais do que um enfe…