Pular para o conteúdo principal

Como a Igreja deve Colocar Jesus?




Ap. 1: 12 E voltei-me para ver quem falava comigo. E, ao voltar-me, vi sete candeeiros de ouro, 13 e no meio dos candeeiros um semelhante a filho de homem, vestido de uma roupa talar, e cingido à altura do peito com um cinto de ouro;14 e a sua cabeça e cabelos eram brancos como lã branca, como a neve; e os seus olhos como chama de fogo;15 e os seus pés, semelhantes a latão reluzente que fora refinado numa fornalha; e a sua voz como a voz de muitas águas.

                           Sete Candeeiros de Ouro: São Sete Igrejas as quais o valor excede em muito o valor de todo ouro, elas são extremamente valiosas para Deus. Os Sete candeeiros simbolizam as Sete Igrejas da Ásia, as quais serviam como “As 07 Luzes Valiosas da Ásia”.  Esta sete Luzes por sua vez possuem sete Anjos, que são Mensageiros de Deus para servi-las, protegê-las...
Ap. 1: 20 Eis o mistério das sete estrelas, que viste na minha destra, e dos sete candeeiros de ouro: as estrelas são os anjos das sete igrejas, e os sete candeeiros são as sete igrejas.

                         Cristo está no centro das Sete Igrejas, isso revela como a Igreja deve Colocar Cristo, aqui vai algumas Colocações que cabe a Igreja Cristã:
a.      Colocar Cristo como o Centro da Igreja
b.      Colocar Cristo como o Fundamento da Igreja
c.      Colocar Cristo como o Foco da Igreja
d.      Colocar Cristo como a Visão Principal da Igreja  
e.      Colocar Cristo como a Capital da Igreja
f.       Colocar Cristo como o Destino da Igreja
g.      Colocar Cristo como o Tema da Igreja
h.     Colocar Cristo como o Coração da Igreja
i.        Colocar Cristo como a Pessoa Principal da Igreja
j.        Colocar Cristo como o Centro da Adoração, Louvor, Culto e atividades da Igreja
k.      Colocar Cristo como o Alvo da Igreja
l.        Colocar Cristo como a Base de tudo da Igreja
m.   Colocar Cristo como o Único meio de Salvação da Igreja
n.     Colocar Cristo como a Única Verdade Absoluta da Igreja
o.      Colocar Cristo como o Padrão e estilo de vida da Igreja
p.      Colocar Cristo como o Mentor da Doutrina da Igreja
q.      Colocar Cristo como o Exemplo a ser seguido por todos os membros da Igreja
r.       Colocar Cristo como o Único Mensageiro das Doutrinas e Ensinamentos da Igreja
s.       Colocar Cristo como o Único Salvador do Mundo e da Igreja
t.       Colocar Cristo como o Único Deus da Igreja
u.     Colocar Cristo como o Modelo de Ensino e servo do Deus Eterno
v.      Colocar Cristo como o Líder Supremo e Maioral
                             Quando a Igreja deixa algumas dessas colocações ela é fadada ao prejuízo, a perda da Salvação de seus membros, além de deixar de exercer seu papel primordial, ela deixa de ser a luz do mundo e o sal da terra. 



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Por que Jesus Cuspiu antes de curar o Cego?

Mensagem com base em João 9: 1-23


I – Qual causa da Cegueira do Homem?
 Este nascera cego curiosamente para Glória de Deus, os discípulos procuravam uma causa para a cegueira e perguntaram: “Rabi, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego?”. Fizeram a pergunta possivelmente com base em Êxodo:
Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.Êxodo 20:4-5
1)Cegueira como maldição hereditária, por parte dos pais; 2)Cegueira Por causa dos próprios pecados. 3)Cegueira para que se Manifeste as Obras de Deus
Jesus descartou as duas primeiras possibilidades, com seguinte resposta:
Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus.
João 9:2-3

              O Homem era cego para que em hora oportuna se manifestasse nele a Obra de Deus.

II – Jesus contrariando os Homens                                    …

Hagar e Ismael no Deserto- Deus Ouve

(Texto Gn. 21; 14-21)                              Abraão levanta pela madrugada, toma pão e um odre de água, dá para Hagar colocando as coisas no ombro dela, pega o menino de aproximadamente 17 anos entrega-o para Hagar e despede a ambos, e despede. Hagar sai uma direção definida no deserto de Berseba, e sai errante. (Gn. 21; 14)
                         Uma dor e uma confiança tremenda dentro de Abraão. Ele sabia que nem Hagar e nem Ismael iriam morrer no deserto, porque Deus havia lhe garantido que faria de Ismael uma grande nação, e para isso Deus supriria todas as necessidades.                          Por outro lado Sara sua esposa estava muito incomodada, com o desprezo de Ismael em relação à Isaque, estava surgindo um clima muito comprometedor entre Ismael e Isaque, o que poderia cedo ou tarde gerar graves conseqüências. O próprio Deus aceitou a proposta de Sara, porque Deus havia traçado um Propósito na vida de Ismael à parte da casa de Abraão. Mais tarde tudo indica que casa de…

Zacarias, pai de João Batista- Parte 1 (Personagens Bíblicos)

Dados Gerais sobre Zacarias, pai de João Batista  

A postagem visa facilitar estudos sobre a pessoa exemplar de Zacarias, pai de João Batista, deixando claro, logo no principio que admite -se cópias desta postagem desde se cumpra as normas dos Direitos Autorais.

Zacarias (do hebraico זְכַרְיָה, Zekariyah, "Deus se lembrou")