Pular para o conteúdo principal

Religião não é Caminho, nem Verdade e nem Vida

    
   Em seus ensinamentos aos Apóstolos Jesus sempre apontaram para Ele mesmo como único Caminho, Verdade e Vida. Leia o que Cristo ensina aos seus discípulos no Evangelho Segundo João capítulo 14 em destaque o versículo 6.

“Disse-lhe Jesus: Eu sou o Caminho, e a Verdade, e a Vida. Ninguém vem ao Pai, senão por mim”.

  Cristo deixou bem claro que somente Ele é o Caminho, desse modo dispensou religiões como caminho, Jesus mostrou que somente Ele era a verdade, dessa forma os ensinos dos homens com base em tradições e sem base na Palavra de Deus são mentiras. O Senhor Jesus Cristo também deixa muito claro que Ele é o único meio para que tenhamos vida e vida em abundância no céu e na terra.

                       Em João 14:6 Jesus ensina que ninguém pode ir até o Pai celestial senão for por meio dele, deixando de lado o nome de Maria, o nome de santos e o nome de Papas e principalmente o nome de Igrejas.

                             No Capítulo 14 do Evangelho segundo escreveu João lemos Cristo incentivando aos seus seguidores a pedirem as coisas ao Pai Celestial em Nome dele (Jo. 14: 13,14) descartando o nome de discípulos e o Nome de Maria em suas orações. Na famosa oração do Pai Nosso encontrada em Mateus 6: 9-13, Cristo em momento algum ensina a pedir alguma coisa a Maria ou algum de seus discípulos, ou ainda alguns de seus antepassados.

                               Os Evangelhos nos deixam Claro que Jesus é o único que veio salvar aquilo que se havia perdido (Mt 18: 11) quem crer na pessoa de Jesus Cristo e vive conforme sua Palavra alcança poderes especiais (Mc 16: 15-18) Ninguém além de Jesus tem poder para escrever nosso nome no céu. É Jesus quem escreve nossos nomes nos céus (Lc. 10: 19,20) Jesus é porta; Quem entra por Ele se salva, entra e sai salvo de qualquer prova, e encontra pastagens (João 10:9-11) Aprendemos nos quatro Evangelhos que o Senhor Jesus Cristo foi o único que morreu e ressuscitou nos garantindo a Ressurreição após a morte e soluções para todos os nossos problemas.

                                Qualquer pessoa que ler o Novo Testamento sob a luz do Espírito Santo entende que toda honra e glórias devem ser dadas ao Deus trino e a ninguém mais, nosso culto, nosso louvor, adoração e catedrais devem ser consagrados ao único que é Verdadeiro e Fidedigno em todas as coisas. O Livro de Apocalipse 5:1-12 nos revela algo surpreendente:

                        “ E vi na destra do que estava assentado sobre o trono um livro escrito por dentro e por fora, selado com sete selos. E vi um Anjo forte, bradando com grande voz,: Quem é digno de abrir o livro e desatar os sete selos? E ninguém no céu, nem na terra, nem debaixo da terra, podia abrir o livro, nem olha para ele.
                        E eu chorava muito, porque ninguém fora achado digno de abrir o livro, nem de o ler, nem de olhar para ele. E disse – me um dos anciãos:Não chores: eis aqui o Leão da tribo de Judá, a raiz da Davi, que venceu, para abrir o livro e desatar os seus sete selos. E olhei, e eis que estava no meio do trono e dos quatro animais viventes e entre os Anciãos um Cordeiro, como havendo sido morto, e tinha sete pontas, e sete olhos, que são os sete Espíritos de Deus enviados a toda a terra.
                        E veio, e tomou o livro da destra do que estava assentado sobre o trono. E, havendo tomado o livro, os quatro animais e os vinte e quatro anciãos prostraram-se diante do Cordeiro, tendo todos eles harpas e salvas de ouro cheias de incenso, que são as orações dos santos. E cantavam um novo Cântico, dizendo: Digno és de tomar o livro, e de abrir os seus selos; porque fostes morto, e com teu sangue comprastes para Deus homens de toda a tribo, e língua, e povo e nação; e para nosso Deus os fizestes rei e sacerdotes; eles reinarão sobre a terra.
                     E olhei, e ouvir a voz de muitos anjos ao redor do trono, e dos animais, e dos anciãos; e era o número deles de milhões de milhões, e milhares de milhares, que com grande voz diziam: Digno é o Cordeiro, que foi morto, de receber o Poder, e riquezas, e sabedoria, e Força, e honra e Glória, e Poder para todo o sempre. E os quatro animais diziam: Amém. E os vinte e quatro anciãos prostraram-se, e adoraram ao que vive para todo o sempre.” (Apocalipse 5)
 
Nenhum Papa (ao longo da história mais de 260 papas) foi digno de olhar para o livro e muito menos abrir os sete selos do livro, nenhum santo ou santa foram dignos de tal ação, nem mesmo Maria.
    A Finalidade da Religião é religar o homem com Deus, anunciando o Evangelho do Senhor Jesus Cristo sem acréscimo, sem subtrair e sem alterar nada nele, pregando um evangelho puro. Pois a partir do momento que subtrai ou acrescenta algo, ou altera alguma coisa, pode comprometer seriamente as pessoas no caminho. na verdade e na vida que é Cristo Jesus nosso Senhor.  




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Por que Jesus Cuspiu antes de curar o Cego?

Mensagem com base em João 9: 1-23


I – Qual causa da Cegueira do Homem?
 Este nascera cego curiosamente para Glória de Deus, os discípulos procuravam uma causa para a cegueira e perguntaram: “Rabi, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego?”. Fizeram a pergunta possivelmente com base em Êxodo:
Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.Êxodo 20:4-5
1)Cegueira como maldição hereditária, por parte dos pais; 2)Cegueira Por causa dos próprios pecados. 3)Cegueira para que se Manifeste as Obras de Deus
Jesus descartou as duas primeiras possibilidades, com seguinte resposta:
Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus.
João 9:2-3

              O Homem era cego para que em hora oportuna se manifestasse nele a Obra de Deus.

II – Jesus contrariando os Homens                                    …

Hagar e Ismael no Deserto- Deus Ouve

(Texto Gn. 21; 14-21)                              Abraão levanta pela madrugada, toma pão e um odre de água, dá para Hagar colocando as coisas no ombro dela, pega o menino de aproximadamente 17 anos entrega-o para Hagar e despede a ambos, e despede. Hagar sai uma direção definida no deserto de Berseba, e sai errante. (Gn. 21; 14)
                         Uma dor e uma confiança tremenda dentro de Abraão. Ele sabia que nem Hagar e nem Ismael iriam morrer no deserto, porque Deus havia lhe garantido que faria de Ismael uma grande nação, e para isso Deus supriria todas as necessidades.                          Por outro lado Sara sua esposa estava muito incomodada, com o desprezo de Ismael em relação à Isaque, estava surgindo um clima muito comprometedor entre Ismael e Isaque, o que poderia cedo ou tarde gerar graves conseqüências. O próprio Deus aceitou a proposta de Sara, porque Deus havia traçado um Propósito na vida de Ismael à parte da casa de Abraão. Mais tarde tudo indica que casa de…

Cabelo da Mulher Cristã- Nove (09) Lições Bíblicas

Referencias: 1ª Co. 11:4-15/ 1ª Tm. 2: 9,10/ 1ª Pe. 3: 1-3

                           Três passagens bíblicas utilizadas por “teólogos” radicais, com estilo farisaico, para proibir as tranças, cortes e frisados nos cabelos, além do uso de jóias.  Mas em destaque nesta postagem, é o cabelo da Mulher Cristão. Temos postagens que tratam do uso de jóias nos seguintes sites:
Deus condena o uso de Jóias?  
http://prjefersonfabiano.blogspot.com.br/2011/10/deus-condena-o-uso-de-joias.html
O Uso de Jóias segundo Paulo e a Bíblia
http://prjefersonfabiano.blogspot.com.br/2013/01/o-uso-de-joias-segundo-paulo-e-biblia.html
Nove Lições sobre o Cabelo da Mulher Cristã segundo a Bíblia:
1.Cabelo longo da mulher cristã lhe é Honroso 2.Cabelo tosquiado/rapado na mulher cristã é Desonroso 3.Cabelo longo da mulher é sinal de poderio sobre os anjos 4.Cabelo longo em lugar do véu 5.Um traje modesto com pudor é mais importante que uma trança atraente 6.O Enfeite interior da mulher cristã vale mais do que um enfe…